Roacutan/Isotretinoína: primeiro mês

quinta-feira, 7 de maio de 2015
Depois de tanta demora, iniciei o meu tratamento e já vim relatar o meu primeiro mês. Quem acompanha o meu canal já deve ter visto o vídeo que gravei sobre. Estava revendo um vídeo que postei "vou tomar roacutan" e fiquei chocada em como a minha pele estava. Claro que pessoalmente estava bem pior, no vídeo ficou tudo mais "clean". Eu relembrei como foi difícil gravar nesse dia totalmente sem maquiagem e está sendo mais difícil ainda postar os prints aqui no blog. Só quem tem espinha sabe o tanto que é triste!

Eu tenho espinha há anos e já fiz todos os tipos de tratamento, nunca consegui me livrar delas. Foi quando finalmente ouvi falar sobre o Roacutan e fui pesquisar mais sobre ele. E adivinhem só?! Assim que fui me consultar com o Dr George (que atende aqui em Cajazeiras) tive uma surpresa: ele me receitou o Roacutan sem eu ao menos ter citado que já havia pesquisado sobre o remédio. Fiquei super feliz e tive um receio rs

Antes de continuar a história, confiram os prints do vídeo que gravei antes de iniciar o tratamento:


Horrível né?! E como já falei, no vídeo a minha pele estava "melhorada" porque a imagem da câmera não era tão nítida. Pessoalmente estava um "Deus me acuda"! Nunca apareci sem maquiagem assim de perto.

Voltando ao meu drama mexicano... Eu cheguei em casa toda feliz! A primeira reação dos meus familiares e amigos foi: "Você não precisa tomar isso. É só fase, daqui a pouco suas espinhas somem". Começaram a falar coisas terríveis sobre a medicação, formaram um bicho de 7 cabeças e quase que eu não consegui criar coragem. Mas encontrei um grupo no facebook de pessoas que tomam o remédio e só ouvi coisas boas dele. Apesar dos efeitos colaterais tudo está valendo à pena, falo por mim mesma.

Gravei um vídeo contando a minha experiência e mostrei como a minha pele está! Entrei no segundo mês agora e mal posso esperar pra terminar o tratamento e ser feliz comigo mesma!



Super beijo!
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Valeska Ribeiro © 2013 - 2014